Ficha de Gabriel L. Wong

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Ficha de Gabriel L. Wong

Mensagem por Gabriel L. Wong em Ter Dez 02, 2014 12:33 am

Dados Pessoais:


Nome:Gabriel L. Wong
Aparência mental: Sempre fui uma pessoa calma, não impulsiva, penso antes de agir SEMPRE, não costumo me expor mais do que o necessário, sou bem reservado também e não me importo em fazer muitas perguntas quando preciso.  
Aparência Física: Alto, olhos azuis, cabelos negros, tipo físico normal, um pouco definido,o corpo não tão musculoso auxilia na movimentação e o deixa mais rápido e ágil, sorriso branco praticamente perfeito, sempre está com uma sobretudo preto e calças jeans da mesma cor, e uma cicatriz do lado esquerdo de sua barriga.
Casado(a)/Solteiro(a): Solteiro
Idade: 17
Altura: 1,81
Peso: 85 Kg
Raça: Humano
Sexo: Masculino


Dados Mágicos:


Tipo de Magia: Lightning Dragon Slayer
Descrição da Magia:Um tipo de Magia que permite ao usuário para incorporar o elemento de um raio em seu corpo, ganhando características exclusivas que são comumente associados com Dragons relâmpagos. O usuário é capaz de produzir raios de seu corpo e de manipulá-lo para atacar seus oponentes
Magia Secundária:
Descrição da Magia Secundária:
Arma: Armas?Quem precisa de armas?
Descrição da Arma:
Animal:
Descrição do Animal:


História:

Muito tempo, muito tempo havia se passado desde que eu havia saído da minha terra natal, mais não importava  que diziam, eu NÃO quero mais voltar lá, desde o incidente magico que havia ocorrido há 8 anos atrás...

Uma organização desconhecida apareceu e começou a sequestrar criança, adultos e idosos para a construção de uma especie de zona morta da magia, lá onde funcionava um gerador gigante que criava uma especie de zona-anti magia, mais para isso, eles precisavam de trabalhadores escravos trabalhando em minas e girando uma manivela que fazia a maquina funcionar... lembro como se fosse ontem, um a um os trabalhadores caiam, e por fim e eu era a ultima criança viva no local, o que gerava uma especie de ódio em mim e nas pessoas que me mantinham como escravo, era como se eles não acreditassem que eu ainda pudesse me manter vivo por lá.

Certo dia uma escrava que estava gravida ficou doente, mais ninguém se pronunciava ou dizia nada pois se os funcionários descobrissem matariam ela com certeza para não gastar dinheiro com medicamentos ou dar comida a ela, porém eu não podia aceitar aquilo, era como se a vida fosse algo que não importava, então, no mesmo dia na hora que serviam a comida roubei um pão e dei para ela, porém eu mesmo não sabia que aquele pedaço de pão geraria tanta revolta.

No mesmo dia quando eu estava girando a manivela gigante vieram 3 homens que violentamente me puxaram para longe enquanto todos me olhavam logo após me amararam pelos braços a uma especie de mastro e eu fiquei com as pernas em penduradas.

- Que isso sirva de exemplo para o próximo que quiser se sobre sair e roubar algo de nós - disse um homem que parecia ser um tipo de líder, fiquei tenso na hora, não sabia o que iam fazer comigo, e se fossem me matar? eu não queria morrer!!

Mais tirei todos os pensamentos da minha cabeça quando a parte esquerda da minha barriga foi atingida por uma lança feita totalmente de metal e com um um cabo de metal também ligando a lança a um maquina que eu não sabia o que fazia, na hora gritei, aquela dor foi muito intensa a lança havia atravessado meu corpo e com sorte talvez não havia perfurando nenhuma órgão vital; no momento eu pensei que sabia o que era dor... até que o homem ligou o aparelho que estava preso a corda de aço da lança e a luzes falharam por um momento, entendi tudo que estava acontecendo naquela hora, eu ia morrer ali por causa de um pão, que morte mais idiota.

- AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH - só o que consegui dizer de dor pelos segundos que a eletricidade percorria meu corpo, já não sabia se estava consciente ou não só o que entendia no momento era a dor de ter a eletricidade percorrendo meu interior.

Depois de algumas cargas, meu corpo foi solto e deixado lá no chão mesmo, sangrando e imóvel, não conseguia me mover e não entendia por que ainda estava vivo, então desmaiei.

Quando acordei estava de volta com os escravos e meu corte estava fechado, porém ainda doía muito, eu queria me levantar mas foi uma tentativa frustrada meu corpo estava muito paralitico, foi quando parei para analisar o que havia ao meu redor, todos os escravos, e estava a noite, todos descansando e foi quando um senhor de idade muito avançando chegou até mim e meu deu água e um pão, o que era irônico pois aquele mesmo alimento quase havia me matado, bebi a água e enquanto comia o senhor me explicava o que havia ocorrido.

- Você tem um corpo muito resistente a eletricidade, o garoto que procurei para o presente que venho carregando a muito tempo é você - ele disse e eu não tinha forças para responder nada - nesse momento tem uma lacrima de Dragon Slayer no seu corpo, você nos ajudará a sair desse lugar - continuou ele me contou um plano que faríamos assim que eu me recuperasse.

Uma semana se passou, desde essa semana toda noite quando os guardas não estavam olhando o senhor me ensinava um pouco sobre o que fazer, e como fazer com meus poderes, eu estava pronto pra esse dia.

Quando todos estavam girando a manivela e eu estava polindo as maquinas eu tinha que esperar um sinal para poder fazer o que tinha que ser feito, depois de algum tempo todos pararam de girar a manivela, e rapidamente um guarda se levantou, era a minha vez agora, me concentrei e comecei a liberar meu poder nas maquinas que eu estava polindo o que gerou uma falha na energia assim todos agora sabiam o que fazer, correram para a saída pulando em cima de todos os guardas e tentando vence-los em tentativas desesperadas, eu corri imediatamente em meio ao caos para o local que eu deveria estar, desviando de tudo e todos quando um guarda segurou no meu braço, e eu era muito pequeno para conseguir impor resistência, quando lembrei do que podia fazer no momento; liberei uma carga elétrica que não era forte, pois eu não havia treinado direito mais suficiente para fazer o guarda largar a minha mão e cair no chão de joelhos no minimo atordoado... Continuei meu caminho até a sala de maquinas, onde estava cheio de controles e mecanismos que eu não entendi na época, mais não importava, meu dever ali era apenas destruir tudo, coloquei minhas mãos em uma alavanca de aço ali perto e comecei a liberar toda a eletricidade que conseguia gradualmente, devagar e um por um todos os controles iam sofrendo pane e soltando faíscas quando de repente as maquinas começaram a explodir e não me restava escolha além de fugir daquele lugar em chamas.

Ok, já basta, voltando ao tempo presente balancei minha cabeça em sinal de negação o passado era passado, eu tinha que viver o presente, meu Objetivo no momento era entrar em uma Guilda de Magos, e isso concerteza era o que eu iria fazer.





Status Mágico:

HP:50
PM:50
(20 pontos para distribuir como quiser.)

12 Pontos para o PM
8 Pontos para o HP

Gabriel L. Wong

Mensagens : 1
Data de inscrição : 30/11/2014

Dados Mágicos
Health Points:
58/58  (58/58)
Mana Points:
62/62  (62/62)
Magia: Lightning Dragon Slayer

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ficha de Gabriel L. Wong

Mensagem por Matthew S. Harper em Ter Dez 02, 2014 12:36 am

Aprovado


avatar
Matthew S. Harper

Mensagens : 30
Data de inscrição : 16/11/2014

Dados Mágicos
Health Points:
50/50  (50/50)
Mana Points:
70/70  (70/70)
Magia: Shadow Dragon Slayer

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum